[Opinião] Dark Souls: O efeito “Mass Effect”

Quem aí se lembra de Mass Effect trilogy no Xbox 360/PS3 sendo lançado no mesmo dia que Mass Effect 3 para Wii U, ambos custando o mesmo preço (na prática, cada jogo da trilogia saia por $20 dólares cada sendo que ainda continha todos os DLC, enquanto só o ME3 na versão de Wii U custava $60 dólares)? E como resultado, a versão de Wii U não vendeu bem e a EA culpou o público da Nintendo por não comprar o jogo.

Então, vimos que a Nintendo revelou Dark Souls Remastered em janeiro deste ano, e o jogo estava rodando muito bem obrigado no jogo na PAX em abril, com previsão de ser lançado em todas as plataformas no dia 25 de maio. Um mês ante de ser lançado, a versão de Switch foi adiada sem nenhuma razão. Sim, até hoje não explicaram o motivo do adiamento.

Depois de meses sem tocar no assunto, o jogo foi re-anunciado para simplesmente “verão de 2018”, e mais um tempo depois, foi revelado que o jogo agora será lançado no Switch no dia 19 de outubro, muito além do verão americano (na verdade já no outono). Até aí, ok, mais ou menos.

Então, eis que na Gamescom hoje, a Namco Bandai comete mais uma proeza: anunciou Dark Souls Trilogy para Xbox One/Playstation 4 para ser lançado… no mesmo dia da versão de Switch! Olha que maravilha:

Até os fãs das outras plataformas estão se sentindo enganados por terem comprado a versão remasterizada do primeiro jogo pouquíssimo tempo atrás. Mas focando apenas no público da Nintendo, este foi um dos maiores descasos já vistos desde sei lá, Mass Effect 3 para Wii U? É a mesma situação novamente: vão lançar apenas o primeiro jogo para o Switch por $40 dólares, enquanto as outras plataformas recebem no mesmo dia a trilogia completa, por $80 dólares, o que faria com que cada jogo saísse por cerca de $26, portanto, mais barato do que a versão de Switch. Depois, se o jogo (que antes as pré-vendas apontavam para ser a versão mais vendida) não vender bem no Switch, o que irá a Bandai Namco dizer? Que o público da Nintendo não compra jogos de terceiros? Que a plataforma não é lucrativa? Qualquer desculpa para pular fora?

Enfim, é um grande descaso. E não acredito muito que vão ser anunciadas as continuações para o Switch, caso contrário teria sido dito algo hoje. Se o atraso na versão fosse para incluir os jogos 2 e 3 no Switch, seria até louvável, mas do jeito que foi feito… Sem palavras. Podiam ao menos, já que está muito em cima da hora, anunciar que em breve vai ter DS2 e DS3 para Switch e quem comprou a versão remasterizada do 1 ganharia desconto nas versões digitais das continuações, mas nem isso foi dito.

Resta aguardar se alguma resposta será dada. É inacreditável também que nenhum blog/site/reporter/curioso tenha perguntado ainda para a Bandai Namco na Gamescom o motivo desse desserviço. E a reação do twitter foi:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *