[Review] Red Bow

[Review] Red Bow

06/02/2020 0 Por Diiiih

Desenvolvedora: Stranga Games
Publicadora: Ratalaika Games
Gênero: Aventura, RPG
Data de lançamento: 17 de Janeiro, 2020
Preço: R$4,99
Formato: Digital

Versão em vídeo

Red Bow é um jogo desenvolvido pela Stranga Games e publicado pela Ratalaika Games. A Ratalaika é conhecida por lançar pequenos projetos indie, e este é mais um deles.

Com um estilo que lembra um RPG de Game Boy Color, Red Bow na verdade não é bem um RPG, mas eu diria que é uma “experiência”, apesar de a eShop categorizar o jogo como de RPG e Aventura. Mas, por que eu diria que é uma “experiência”? Bom, porque apesar do jogo ser com visão Top-Down, com movimentos baseados em grid, e de possuir diversos NPCs para interagir, o jogo não possui nenhum sistema de batalha, ou de experiência, hp, magia, status nem nada do que eu considero elementos que caracterizam um RPG.

E isso não é uma coisa ruim. É inovador.

Eu diria que Red Bow é com uma Visual Novel, onde você está ali para experienciar uma história, só que, melhor do que apenas ler textos, em Red Bow você tem de fato um mapa para explorar, e diversos puzzles para resolver.

O jogo

O jogo é protagonizado por Roh, uma menina que se encontra presa dentro de seus pesadelos povoados com diversos monstros esquisitos. E é baseado nesse cenário que o jogo se passa. Você deverá explorar todo o mapa para encontrar itens certos que deverão ser utilizados em locais certos e na hora certa para prosseguir com a história, e utilizar algo no lugar errado e/ou na hora errada poderá afetar o final da história.

A trama é dividida em quatro capítulos, cada um se passando em um cenário diferente com diferentes monstros que são os NPCs com quem você irá interagir, e diferentes puzzles que darão seguimento à história.

Analisando bem, as tramas do jogo lembram bastante contos de horror japoneses, com personagens esquisitos e assustadores. Há também alguns elementos que podem causar impacto em alguns jogadores, como logo no primeiro capítulo, uma personagem enforcada dentro de casa, com quem você interage.

A cada vez que você termina o conto atual, Roh irá acordar novamente em sua cama e logo irá descobrir que foi parar em outro pesadelo, dando sequencia a uma série de histórias esquisitas e interessantes.

Os gráficos

Os gráficos do jogo, como eu já disse, lembram bastante os dos jogos de Game Boy Color, porém com mais cores exibidas na tela. Eu diria que é algo entre 8 e 16 bits. O que ajuda a passar ainda mais essa sensação de estar jogando um título de Game Boy é o fato da resolução ser pequena e em 4:3, ficando esticada na tela e ainda deixando duas barras laterais sobrando, que ficam completadas com uma arte.

No geral, o jogo é bem bonito e caprichado, e o estilo artístico ajuda a suavizar alguns acontecimentos na história do jogo, como o exemplo citado anteriormente da personagem enforcada. Não irei entrar em mais detalhes para não dar spoilers do jogo. Mas acredite, o estilo visual deu sim uma suavizada.

A trilha sonora

A trilha sonora do jogo é muito gostosa de ouvir e encaixa perfeitamente com o estilo de jogo, criando uma excelente atmosfera que ajuda o jogador a se envolver na pequena aventura.

No jogo, há partes em que tudo fica completamente silencioso, antes de começar a tocar uma música de fundo muito agradável, mas esses momentos de silêncio ajudam a criar um certo clima de tensão e também combinam com o que está acontecendo naquele momento da história.

Conclusão

Red Bow é um excelente jogo, com uma história muito interessante e que vale a pena ser jogado. Infelizmente o título é muito curto, e se você souber todos os segredos, poderá terminá-lo em cerca de dez minutos.

A trama é composta por quatro cenários, onde os três primeiros possuem enigmas para resolver, mas no cenário final você só precisa avançar com a personagem e conversar com os NPCs que aparecem na tela, o que é uma pena.

Eu vejo o título como uma demonstração do que poderia ser caso os desenvolvedores quisessem pegar tudo o que já está aqui e expandir num jogo maior e mais complexo. Os personagens e suas histórias são muito interessantes e poderiam perfeitamente ser mais trabalhados, expandindo a própria história do jogo e sua duração.

Se eu tivesse que comparar Red Bow com algum jogo, seria com Kamiko, que assim como Red Bow, é um excelente título, porém muito curto, e que merecia uma DLC de expansão, ou ser utilizado de base para um jogo expandido.

Por fim, assim como Kamiko, Red Bow também custa apenas $5 dólares na eShop e é um preço muito barato e bastante convidativo. Se você gosta de jogos com visuais retrô e de histórias de suspense, Red Bow é um título perfeito para você.

Jogo avaliado com o código fornecido pela Ratalaika Games

Avaliação: 8

Significado das notas de 1 a 10

1 – Melhor vomitar do que jogar isso
3 – Vai fazer outra coisa.
5 – Só jogue se você for MUITO fã mesmo…
6 – Jogo legal pra se divertir e se distrair.
8 – jogo bom, vale bem seu tempo e dinheiro!
9 – Jogo excelente que vai deixar uma marca em você!
10 – Jogo obrigatório!