Bethesda diz que a Nintendo está muito feliz com o suporte da empresa no Nintendo Switch

Bethesda diz que a Nintendo está muito feliz com o suporte da empresa no Nintendo Switch

22/04/2018 0 Por Diiiih

Durante uma entrevista com a GamesReactor, Pete Hines, da Bethesda, explicou porque a empresa decidiu levar seus jogos para o Nintendo Switch e a reação da Nintendo ao apoio da empresa.

Primeiramente, Hines elogiou o Nintendo Switch pela versatilidade que outros consoles de mesa não podiam oferecer. Leia o que ele disse:

O desafio é completamente técnico, certo? Se fosse fácil, todo mundo faria isso e não seria tão importante. Não é um 1 por 1 direto com outro hardware que está disponível, mas também faz algo que os outros não podem, levá-lo com você em um avião, em um ônibus ou qualquer outro ligar. A portabilidade do Switch é fantástica.

Por que fazemos isso? Eu gosto de pensar que é porque é parte de quem somos. Nós assumimos riscos e fazemos coisas que outras pessoas não fazem. Trabalhamos em realidade virtual, e fazemos coisas de menor escopo, como o DOOM VFR, mas também fazemos coisas como algumas centenas de horas em The Elder Scrolls V: Skyrim ou Fallout. Não há mais ninguém que faça centenas de horas de conteúdo em um jogo de VR, mas achamos que era uma boa oportunidade e algo que encontraria um público, e acho que descobrimos que é o mesmo com o Switch. Um jogo como DOOM ou The Elder Scrolls V: Skyrim ou Wolfenstein II que tem uma audiência nesses consoles. Nós vimos isso até agora. A Nintendo tem sido estado muito feliz, e nós não tínhamos uma bola de cristal para saber, ‘Oh, este definitivamente será o seu jogo mais vendido’, mas nós antecipamos isso, sentimos que havia algo em que poderíamos contribuir e nossos jogos ressoaram.

Antes do lançamento do Nintendo Switch, o último jogo que a Bethesda trouxe para um console da Nintendo foi Star Trek Tactical Assault para Nintendo DS. Embora eles não tenham feito nada para as plataformas da Nintendo por um longo tempo, Hines disse que empresa sempre se comunicou com a Nintendo, e a Nintendo está extremamente satisfeita com a companhia por trazer DOOM, The Elder Scrolls V: Skyrim e Wolfenstein II para o Nintendo Switch.

Desde a Nintendo, eles estão extremamente satisfeitos. O último jogo para a Nintendo que eu acho que nós fizemos foi Star Trek Tactical Assaul para o Nintendo DS. Eu não consigo nem lembrar corretamente, foi há muito tempo, mas não fizemos nada no hardware da Nintendo há muito tempo. Mas nós sempre conversamos com eles. Nossa filosofia não mudou em todo o meu tempo na Bethesda, e é por isso que nos esforçamos para fazer esses jogos, vamos distribuí-los em tantas plataformas quanto possível para que o jogo seja compatível com o design dos desenvolvedores. Agora, no caso do Switch, tudo bem, temos que fazer um pouco de trabalho para garantir que funcione corretamente e dê o melhor. Nós não queremos cortar metade da história ou fazer sacrifícios que mudam o jogo.

Os jogadores podem esperar ver mais títulos da Bethesda recebendo recursos especiais e exclusivos no Nintendo Switch. Um exemplo é o Wolfenstein II: The New Colossus, que suportará controles de movimento no híbrido.

Foi muito engraçado ver, por exemplo, como as pessoas estavam empolgadas quando lançamos a atualização de DOOM que oferecia a mira por movimento. O mesmo estará presente em Wolfenstein II.

Primeiro nós trabalhamos com um grande parceiro que foi a Panic Button que fez o DOOM e agora o Wolfenstein II e tem trabalhado com a id Software para trazer esses grandes jogos para um tipo diferente de plataforma e eu acho que funciona bem como um dispositivo portátil sem comando ou com um Pro Controller. É apenas uma oportunidade para fazer algo que achamos que vai ressoar com os jogadores, não importa o que eles estão jogando.

Fonte, via