VGChartz: Nintendo Switch ultrapassa 60 milhões de unidades vendidas mundialmente

VGChartz: Nintendo Switch ultrapassa 60 milhões de unidades vendidas mundialmente

23/07/2020 0 Por Diiiih

O VGChartz é um site que fornece a estimativa de vendas de consoles e jogos, e nesta semana, constatou que o videogame híbrido da Nintendo, o Nintendo Switch, ultrapassou a marca de 60 milhões de unidades vendidas em todo o mundo!

De acordo com o site, o console da Nintendo cruzou a marca na semana que terminou no dia 18 de julho de 2020, quando vendeu 379.560 mil unidades, fazendo com que o número de consoles vendidos desde o seu lançamento tenha ido para 60..025.435 unidades.

De acordo com o VGChartz, o Nintendo Switch precisou de 41 meses para atingir a marca de 60 milhões de unidades vendidas mundialmente. Comparando com os consoles rivais, o PS4 levou um total de 44 meses, enquanto o Xbox One não chegou nessa marca. Para níveis de comparação, na geração anterior, o PS3 levou 62 meses, contra os 74 meses que o Xbox 360 precisou para vender 60 milhões de unidades.

Quando comparado com outros consoles da Nintendo, o Nintendo Wii precisou de apenas 38 meses, assim como o Nintendo DS. O Nintendo 3DS por sua vez, levou 68 meses para atingir a marca de 60 milhões de unidades vendidas.

Ainda, o site destacou os 10 jogos mais vendidos do Nintendo Switch, de acordo com os dados divulgados pela mesma em seu mais recente relatório fiscal, tendo em vista que o resultado vai até o dia 31 de março de 2020. Confira:

  1. Mario Kart 8 Deluxe – 24.77 milhões
  2. Super Smash Bros. Ultimate – 18.84 milhões
  3. The Legend of Zelda: Breath of the Wild – 17.41 milhões
  4. Super Mario Odyssey – 17.41 milhões
  5. Pokemon Sword / Pokemon Shield – 17.37 milhões
  6. Pokémon: Let’s Go, Pikachu! / Pokémon Let’s Go, Eevee! – 11.97 milhões
  7. Animal Crossing: New Horizons – 11.77 milhões (11 dias) / 13.41 milhões (seis semanas)
  8. Splatoon 2 – 10.13 milhões
  9. Super Mario Party – 10.10 milhões
  10. New Super Mario Bros. U Deluxe – 6.60 milhões

Fonte