Momotaru Dentetsu: Showa, Heiwa, Reisei mo Teiban! já conta com mais de 500.000 cópias enviadas no Japão

Momotaru Dentetsu: Showa, Heiwa, Reisei mo Teiban! já conta com mais de 500.000 cópias enviadas no Japão

21/11/2020 0 Por

Lançado nesta semana exclusivamente para o Nintendo Switch, o novo título da longa série da Konami Momotaru Dentetsu, que nesta edição leva o subtítulo “Showa, Heiwa, Reisei mo Teiban”, já teve mais de 500 000 unidades enviadas às lojas do Japão!

A IP, que originalmente foi desenvolvida pela Hudson Soft e foi adquirida pela Konami em apoio a falência da Hudson, teve o seu último título lançado para o Nintendo 3DS em 2016, tendo sido desenvolvido pela Valhaha Game Studios (Devil’s Third) e publicado pela Nintendo. Na ocasião, a versão havia vendido mais de 300.000 cópias ao longo da sua vida.

Talvez você não esteja familiarizado com o título, já que seus jogos não chegam ao ocidente. Ainda sim, é uma série que faz um grande sucesso no Japão. Resumindo, o game se comporta como um jogo Party e de tabuleiro, e você terá diversas missões para cumprir.

De volta para as mãos da Konami, que em 2016 havia cedido os direitos da série para a Nintendo, Momotaru Dentetsu: Showa, Heiwa, Reisei mo Teiban! estava figurando sempre entre as mais altas posições em pré-vendas, tanto na eShop japonesa, quanto nas lojas online. A novidade de que o jogo já teve mais de 500.000 unidades enviadas em seu lançamento foi descoberto da forma mais inusitada possível: em um quiosque do game em uma loja física no Japão.

Apesar do anúncio não especificar, certamente estão inclusos neste número às pré-vendas físicas, reservas digitais e vendas dos dois primeiros dias nas lojas japonesas do jogo.

Saberemos exatamente quantas cópias físicas foram vendidas durante o relatório da Famitsu na próxima quinta feira.

Momotaru Dentetsu: Showa, Heiwa, Reisei mo Teiban é uma das grandes apostas para o fim do ano no Japão, e já se tornou um dos poucos títulos third Party para o Nintendo Switch a ultrapassar a marca de 500 mil cópias enviadas em território japonês, atrás apenas de títulos como Fishing Spirits, Taiko no Tsujin e Dragon Quest XI S.

Fonte