[Review] War Tech Fighters

Desenvolvedora: Drakkar Dev
Publicadora: Blowfish Studios
Gênero: Ação, Aventura
Data de lançamento: 27 de junho, 2019
Preço na eShop: US $ 19,99
Formato: Digital

WTF3

War Tech Fighters é um daqueles jogos de Mecha, que são aqueles robôs gigantes que voam pelo espaço e participam de grandes combates. Um grande exemplo disso é a série Gundam Wing, que trata exatamente sobre esse tema.

Desenvolvido pela Drakkar Deve publicado pela Blowfish Studios, o jogo é um misto e você poderá amar ou odiar. Assim que comecei a jogar, a primeira impressão que tive é que a jogabilidade parecia com a de fases como a “Sector Z”, em Star Fox 64, que são fases que você pega a nave de Fox e fica com a câmera livre num ambiente (espaço) enquanto deve voar e encontrar seus inimigos para abater. Se eu tivesse que resumir em uma frase, diria que, em War Tech Fighters tive a exata sensação de estar jogando uma versão expandida de Sector Z. E isso pode ser bom ou não, depende do seu gosto. Confesso que em Star Fox minhas fases favoritas são as on rail.

Voltando a War Tech Fighters, o jogo começa de maneira estranha. Explico: Assim que você inicia um novo modo campanha, você já começa num segmento bem frenético devendo lutar de diversas formas para vencer seus oponentes com tiros, mísseis e possui até uma parte em que você briga em combate mele com mechas usando uma espécie de “espada”.

Passado essa etapa, o jogo então põe você para passar por um tutorial onde aí sim, irá explicar todas as mecânicas do gameplay. Na minha opinião, essa parte do tutorial poderia ser uma opção separada no menu inicial do jogo, ou então deveria ser a primeira coisa a aparecer assim que iniciada uma nova campanha. Novamente, na minha opinião, não fez muito sentido o tutorial vir depois que você já enfrentou um segmento frenético.

WTF2

Os gráficos

A primeira coisa que devo dizer é que War Tech Fighters foi desenvolvido na Unity 3D. Gosto sempre de frisar a engine utilizada (quando a informação está disponível nas informações de propriedade intelectual da aplicação), pois gosto de ressaltar como essa engine consegue proporcionar excelentes jogos e visuais.

Em War Tech Fighters, o jogo é todo renderizado em 3D e fica bem acima da média comparado a outros jogos 3D indies em relação a modelagens dos assets, personagens e afins. O jogo se passa no espaço, então você geralmente verá muitos meteoros no cenário e inimigos (naves e mechas) voando para todos os cantos. Isso talvez tenha ajudado (ou não atrapalhado) em não precisar modelar todo um cenário e nos faz focar nos objetos de ação na tela, logo você terá a impressão de um trabalho muito belo.

Infelizmente nem tudo são flores. As minhas duas grandes reclamações desse título ficam na parte dos gráficos, mas não dos gráficos em si. O primeiro grande problema, e que na minha opinião precisa ser melhorado URGENTE é o tamanho das fontes utilizadas no jogo. É MUITO pequeno, sério. Jogando na TV eu precisei forçar a vista e me aproximar da tela para enxergar, enquanto jogando no modo portátil eu quase não conseguia ler, mesmo com a tela colada na minha cara.

A segunda coisa que na minha opinião precisa melhorar, ou aqui poderia ser adicionada uma opção, é que no menu onde você escolhe missões, faz melhorias e customizações, etc, o menu se passa num ambiente renderizado em 3D em que mostra pessoas trabalhando no fundo. Mas tem MUITA informação na tela. Some muita informação, diversas opções para escolher, a letra minúscula e várias coisas se movendo no fundo, fica difícil se concentrar. Na minha opinião poderiam pelo menos inserir uma opção para utilizar um menu simples, apenas com textos e imagens estáticas na parte da customização do seu mecha. Também acredito que o menu deveria ser simplificado, pois são muitas opções para escolher e há muita informação ao mesmo tempo na tela, tornando difícil a concentração naquilo que estou fazendo.

WTF1

O Gameplay

Como dito anteriormente, a jogabilidade lembra a de fases como a Sector Z, em Star Fox 64. Você controla seu mecha, atira, solta mísseis, usa um escudo. Há um botão para elevar a altura, outro para baixar, com um analógico você controla o personagem e com outro a câmera. Senti falta de uma opção para virar a câmera imediatamente, talvez com o clique do analógico, similar a exemplos como em Xenoblade Chronicles 2, algo bem comum em RPGs. Enquanto eu estou girando a câmera durante a ação, corro o risco de morrer com diversos mísseis me atingindo ao mesmo tempo, enquanto eu nem consigo saber de onde veio.

Dito isto, devo ressaltar que o jogo é extremamente difícil mesmo estando no modo normal (o nível mais fácil para escolher) e você deve se preparar para morrer muitas e muitas vezes. Isso não seria um grande problema se o tempo de loading não fosse um tanto longo, então pode ser um pouco frustrante as vezes, mas nada que um patch não resolva.

WTF6

Sobre seus objetivos, não se preocupe. O jogo indica onde você deve ir, e há até uma contagem de quantos metros de distância está seu alvo. Você pode, naturalmente, voar mais rápido simplesmente segurando um botão, mas isso irá gastar sua barra de energia, que é como uma “stamina”. A mesma se gasta conforme você vai atirando, e gasta ainda mais rápido quando utiliza mísseis. Felizmente basta parar a ação por quatro ou cinco segundos que a barra se encherá por completo de forma gradual.

Há inclusive um mapa no canto inferior da tela que indica onde estão seus alvos e objetivos, além de setas vermelhas nos cantos da tela indicando para qual lado os inimigos voaram, setas verdes indicando onde você deve ir em seguida e setas azuis que mostram para onde foi o NPC que as vezes acompanha você (que faz parte da história do jogo).

WTF5

A Trilha Sonora

Como não podia deixar de ser, a trilha sonora de War Tech Fighters é composta de excelentes músicas em ritmo de rock, que combina perfeitamente com a ação e o tipo de jogo, deixando as partidas animadas e nada monótonas. Os efeitos sonoros também não são irritantes e combinam bem com o jogo. O único detalhe que percebi é que durante algumas telas de loading acontecia um barulho de tiro ou explosão aleatoriamente na tela preta, nada que atrapalhe o jogo.

WTF4

Veredito

Apesar dos problemas que War Tech Fighters, acredito que não seja nada que não possa ser corrigido com um patch, em especial o tamanho da fonte utilizada nos textos do jogo. Isso precisa ser arrumado o quanto antes. Dito isto, para aqueles que gostam de jogos com mechas e/ou que de batalha no espaço, o jogo é um prato cheio! Porém se prepare para morrer muito e tente não se frustrar. Realmente a vitória vai muito da sorte (aliado a um pouco de prática, confesso), mas no fim, seguir em frente com as missões proporciona um sentimento de satisfação que faz valer a pena.

PrósContras
Customização dos mechasTamanho da fonte muito pequeno
Belos visuaisMenus confusos
Alto nível de desafio

AVALIAÇÃO: 7

Jogo avaliado no Nintendo Switch com o código fornecido gentilmente pela Blowfish Studios

1 – Melhor vomitar do que jogar isso
3 – Vai fazer outra coisa.
5 – Só jogue se você for MUITO fã mesmo…
6 – Jogo legal pra se distrair.
8 – jogo bom, vale bem seu tempo e dinheiro!
9 – Jogo excelente que vai deixar uma marca em você!
10- Agulha no palheiro! Todo gamer precisa jogar essa gema maravilhosa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *