Grandes JRPGs para o Nintendo Switch que estão por vir em 2021

Grandes JRPGs para o Nintendo Switch que estão por vir em 2021

24/12/2020 0 Por Marcos

O Nintendo Switch tem abrigado uma grande variedade de gênero de jogos que vão desde os estilos casuais como party games aos mais maduros como os jogos ação, tiro e survivor horror.

Um dos gêneros mais populares na plataforma híbrida é o JRPG, isso devido a alta demanda pelo console no Japão, onde até estúdios que tinham o PlayStation como plataforma favorita e não abriam mão – cof, cof Nihon Falcom – acabaram arrumando um jeito de colocar suas franquia no console da Nintendo. Atualmente, o Nintendo Switch conta com franquias populares como Xenoblade Chronicles, Fire Emblem, Final Fantasy, Dragon Quest, bem como as mais nichadas como The Legend of Heroes, Disgaea, Ys, Atelier, e entre muitas outras.

Se você é um grande fã de JRPG das mais variadas franquias, deve estar perdido sobre o que está para sair no próximo ano. Afinal, 2021 promete ser um grande ano para os JRPGs. Pensando nisso, separamos os títulos de mais destque que estão por vir no ano que vem para o Nintendo Switch. Talvez mais jogos interessantes possam ser anunciados e lancados ao longo de 2021, mas estes são apenas os já temos confirmado.

Veja também:

Atelier Ryza 2: Lost Legends & the Secret Fairy

Atelier Ryza 2: Lost Legends & the Secret Fairy é o segundo capítulo do sucesso comercial Atelier Ryza: Ever Darkness & the Secret Hideout que segue nossa alquimista Reisalin Stout (Ryza) em uma aventura totalmente nova três anos após os eventos do primeiro jogo.

No jogo, Ryza parte em uma jornada para a Capital Real de Ashra-am Baird ao mesmo tempo que ela explora ruínas antigas a procura da verdade por trás do mistério das lendas perdidas. Ao longo de sua aventura, Ryza reencontra seus antigos companheiros além de fazer novos amigos que se juntarão ao grupo.

 Atelier Ryza 2: Lost Legends & the Secret Fairy será uma evolução natural de seu antecessor em questão de mecânicas. Aqui Ryza aprenderá novas habilidades que lhe ajudará a navegar em ambientes perigosos, incluindo a capcidade de nadar e montar em animais. Além disso, o sistema de batalha e de Synthesis foram levemente aprimorados. Você pode esperar pelo seu lançamento em 26 de janeiro no Nintendo Switch!

Bravely Default II

A aclamada série Bravely nascida nos portáteis da Nintendo faz seu retorno em uma sequência direta com Bravely Default II.

Exclusivo para o Nintendo Switch, o jogo conta com uma história totalmente nova e independente de seus antecessores, onde novos e velhos fãs poderão aproveitá-lo sem a necessidade de ter jogado os títulos anteriores. Bravely Default II segue a mesma premissa dos primeiros jogos, onde os quatro Herois da Luz se juntam para devolver o equilíbrio do mundo recuperando os quatro cristais elementares. Você poderá jogar com Seth, Gloria, Alvis e Adelle em sua party onde poderá escolher e combinar diversas Jobs para um melhor desempenho durante as batalhas. Assim como Bravely Default e Bravely Second, toda a estética e o sistema de batalha em turnos continuam, bem como o seu sistema de Brave e Default, permitindo que você acumule turnos para realizar comandos sucessivas vezes.

Bravely Default II chega ao Nintendo Switch em 26 de fevereiro de 2021

Monster Hunter Rise

O proximo grande título da longa série de RPG de ação com foco em multiplayer está chegando primeiro no Nintendo Switch!

Monster Hunter Rise segue como o mais novo jogo da série principal introduzindo mecânicas novas e novos monstros para caçar. Os maiores destaques aqui é o Wirebug e o seu companheiro canino Palamute. Os Wirebug são insetos que produzem um tipo de seda resistente onde você pode usa-los como um espécie de gancho se movendo para diferentes tipos de terrenos. Já os Palamute são pets que podem ser usados como montaria ou designados para certas tarefas, além também de poder interagir com seu companheiro como acariciar, dar a pata e efins.

Monster Hunter Rise chega ao Nintendo Switch em 26 de março, e é um dos títulos mais esperados de 2021 na plataforma.

Ys IX: Monstrum Nox

Ys IX: Monstrum Nox é o mais recente título da já clássica série de RPG de ação Ys desenvolvida pela Nihon Falcom. O jogo traz mais uma aventura do renomado aventureiro Adol Christin na cidade de Balduq, onde é detido e preso antes mesmo de entrar. Enquanto preso, Adol conhece uma mulher misteriosa que o transforma em um Monstrum, onde é concebido com um poder sobrenatural de exorcizar monstros. Toda a história de Ys IX segue nosso aventureiro e cinco outros Monstrums em sua equipe que se juntam para afastar ameaças assustadoras que emergem de uma dimensão chamada Grimwald Nox.

Ys IX: Monstrum Nox não só traz de volta mecânicas familiares como como o Flash Dodge e o Flash Guard, como também adiciona mecânicas inéditas como o Gift e Boost Mode, que aumentam ainda mais sua capacidade de lutar. Embora seja numerado, Ys IX: Monstrum Nox não requer que jogadores iniciantes joguem os títulos anteriores, então este pode ser um bom ponto de partida para os iniciantes na série.

NEO: The World End With You

Se chegou até aqui provavelmente percebeu que todos os jogos até então são sequências, ainda que não seja necessário ter jogado seus respectivos antecessores – e isso inclui NEO: The World End With You!

Talvez este seja uma das mais aguardadas sequências, vide que o primeiro jogo já se tornou um clássico moderno do Nintendo DS. NEO: The World End With You leva novamente os jogadores à Shibuya em uma nova versão do “Reaper’s Game”. Jogue como Rindo, que ao lado de seus conpanheiros, deve explorar o centro de Tóquio e entrar em batalhas frenéticas com criaturas monstruosas. NEO: The World End With You herda a mesma estética visual do jogo anteiror, porém aqui temos um espaço mais amplo para exploração em lindos visuais em cell shading em um ambiente totalmente em 3D, bem como uma nova mecânica de batalha.

NEO: The World End With You chega ao Nintendo Switch durante o verão americano de 2021 – que é entre junho e setembro. Ansiosos?

Shin Megami Tensei III: Nocturne HD Remaster

O clássico cult do PlayStation 2 está de volta após quase duas décadas em uma versão remasterizada. Shin Megami Tensei III: Nocturne HD Remaster traz não só visuais aprimorados como também traz voice acting pela primeira vez.

Shin Megami Tensei III: Nocturne segue a história de um estudante que se transforma no demônio Demi-fiend após o mundo sofrer com um evento apocalíptico chamado Conception. Demi-fiend então se torna um instrumental para os interesses da Reasons, que buscam fazer o mundo à sua imagem junto a Lucifer. Assim como qualquer jogo core de Shin Megami Tensei, este é um RPG baseado em turnos, com temática sombria, sistemas de recrutar demônios encontrados no Vortex World e fundi-los para criar demônios mais poderosos.

Shin Megami Tensei III: Nocturne HD Remaster marca sua estreia em uma plataforma da Nintendo e chega ao Nintendo Switch durante a primavera de 2021, entre março e junho.

Rune Factory 5

Rune Factory é uma série de RPG e farming que estreou em 2006 no Nintendo DS e que é derivada do popular simulador de fazenda Story of Seasons, onde na época ainda era chamado de Harvest Moon no Ocidente.

A série rendeu quatro títulos para os portáteis da Nintendo e dois outros jogos para o Wii e PS3. Infelizmente, após o lançamento do quarto jogo numerado em 2012, a Nerveland, o estúdio por trás da série, acabou indo a falência, o que resultou num longo hiato de quase uma década. Porém, todo o time responsável por Rune Factory foi absorvido pela Marvelous, onde tiveram um grande retorno trazendo um port em HD de Rune Factory 4 ao lado do tão aguardado pelos fãs Rune Factory 5.

Rune Factory 5 promete trazer toda a essência de um jogo de fantasia que mescla RPG de ação com o tradicional simulador de fazenda herdado de Story of Seasons, interação com personagens do jogo, casar, e claro, com o já tradicional protagonista que perde sua memória. O mais interessante em Rune Factory é que deste vez temos um jogo numerado cujo seu salto gráfico em relação ao anterior é impressionante.

Rune Factory 5, apesar de ser uma sequência numerada, é um jogo que pode ser aproveitado por jogadores iniciantes sem se preocupar com os anteriores. O jogo chega exclusivamente para o Nintendo Switch em 21 de maio no Japão, mas também terá seu lançamento no resto do mundo no mesmo ano.

The Legend of Heroes: Trails of Cold Steel IV

Desenvolvido pela Nihon Falcom, The Legend of Heroes: Trails of Cold Steel IV é o quarto e ultimo jogo da série Cold Steel, que faz parte da longa série The Legend of Heroes que é dividida em arcos, sendo Cold Steel com eventos se passando no continente de Erebonia. Infelizmente, e ao contrário dos demais jogos citados aqui, Trails of Cold Steel IV é o unico desta lista cujo é preciso ter pelo menos jogado os três outros jogos da série Cold Steel para uma melhor experiência.

Se tem conhecimento prévio da série a partir de outros jogos, ou acompanhou Trails of Cold Steel nos consoles da Sony, este não será um grande problema caso queira pegar o quarto episodio no Nintendo Switch. Todavia, a pior parte aqui é que até então apenas temos Trails of Cold Steel III e Trails of Cold Steel IV localizados para o inglês, sendo Trails of Cold Steel I & II chegando ao Japão em meados de 2021 no Switch, mas ainda um lançamento ocidental não foi confirmado. Então, caso seja um iniciante, recomendo que espere que os primeiros jogos cheguem em inglês antes de se aventurar.

The Legend of Heroes: Trails of Cold Steel IV arrasta velhos e novos heróis da Classe VII em busca de pistas que a levem ao instrutor Rean, que foi mantido sob controle do Chanceler Osborne, ao mesmo tempo que tentam evitar uma nova guerra no continente de Erebinia. Claro, a história de Cold Steel IV se extende ainda mais, onde os jogadores passaram por diversas situações até chegarem a conclusão da história do protagonista Rean. Embora seja um RPG tradicional, prepare-se para se deparar com diálogos massivos, então é necessário o entendimento do inglês aqui.

The Legend of Heroes: Trails of Cold Steel IV chega ao Nintendo Switch em março no Japão, e em algum momento de 2021 no Ocidente.

Monster Hunter Stories 2: Wings of Ruin

Monster Hunter Stories 2: Wings of Ruin é a série derivada dos jogos mainline de Monster Hunter mas que serve como uma contraparte ao que os jogos tradicionais não puderam oferecer: um foco maior na história. Embora seja uma sequência do título original de Nintendo 3DS, a Capcom já deixou claro que este, embora se passe no mesmo universo, não tem quaisquer relação de continuidade com o primeiro jogo, podendo assim ser aproveitado por qualquer jogador.

Mas o que difere Monster Hunter Stories dos demais jogos da série? Bem, além do foco maior na história, o jogo possui lindos e amigáveis visuais em cell shading sendo mais adequado para todas as idades, bem como um sistema de batalha diferenciado, onde no primeiro jogo usava-se o sistema de batalhas em turnos, mas não podemos afirmar se sua sequência seguirá desta mesma formula. Não há muito o que falar sobre Monster Hunter Stories 2, mas se seguirmos a mesma premissa do primeiro jogo, neste o jogador acompanhará um jovem Monster Rider que recebe uma Kinship Stone para formar lenços com monstros no jogo, podendo adquirir habilidades conforme crie vínculos com eles.

Monster Hunter Stories 2: Wings of Ruin chega primeiro no Nintendo Switch durante o verão americano de 2021.

Disgaea 6: Defiance of Destiny

Disgaea 6: Defiance of Destiny é o próximo título da franquia de RPG de estratégia da Nippon Ichi Software após seis anos desde o lançamento de Disgaea 5 no PlayStation 4. Neste, o protagonista é Zed, um zumbi que se elevou acima de todos do Netherworld, exceto pelo Deus da Destruição. Após ser derrotado pelo Deus da Destruição, Zed recorre ao Super Reincarnation, uma magia proibida ensinada por Cerberus que transcede a morte e reencarna.

A Super Reincarnation neste caso é a feature inédita deste jogo, que é descrito como um “feitiço poderoso que permite que alguém viver sua vida novamente até que realizado seu desejo.” Na prática, ao utilizar o Super Reincarnation o nível de seu personagem volta a 1, porém ele manterá toda a progressão nos stats, fazendo isso repetidas vezes ele sempre terá um nível totalmente diferente da força, mesmo quando é redefinido para o nível 1. Além do novo recurso, Disgaea 6 oferece uma repaginada em seus visuais saltando agora para designs de personagens totalmente em 3D, porém claro, mantendo a estética visual padrão dos jogos da franquia.

Disgaea é a franquia core da NIS que por muitos anos ficou limitadas aos consoles da Sony, apesar do Nintendo Switch ter recebido ports de Disgaea 1, Disgaea 4, e Disgaea 5 muitos anos depois. Devido ao ótimo relacionamento da NIS com a Nintendo, tal como o novo público que a desenvolvedora cultivou na plataforma híbrida, Disgaea 6 está chegando como um exclusivo do Nintendo Switch na América do Norte e Europa durante o verão de 2021.

Shin Megami Tensei V

Shin Megami Tensei V é um jogo que já está há bastante tempo na espera dos fãs, e com o aumento popularidade da série através de seu spin-off Persona, este é um dos jogos mais aguardados de 2021 dentro do gênero de JRPG. No entanto, Shin Megami Tensei V ainda segue sendo um mistério, com muito pouco conteúdo mostrado, resta apenas especulações da fanbase até que a Atlus resolva soltar mais informações, principalmente a estética de gameplay.

Não há muito o que falar sobre o jogo por conta de informações escassas. No entanto este é primeiro título da franquia que está sendo desenvolvido em larga escala, simplesmente pelo fato de estarmos vivenciando o primeiro Shin Megami Tensei mainline em HD sendo feito na UE4. Certamente teremos um salto insano em relação ao seu antecessor lançado no Nintendo 3DS, então nada mais justo deste ser o game cujo os fãs possuem altas expectativas.